Image Analytics e o poder do Marketing Visual



Uma imagem vale mais que mil palavras. Quantas vezes na vida você ouviu essa memorável frase de Confúcio, seja no contexto profissional ou pessoal? Cm o advento da internet e das redes sociais, a máxima deste pensador e filósofo chinês ganhou ainda mais notoriedade. Todos sabemos o papel da imagem na estratégia de marketing de uma empresa, mas quando inserimos outro elemento nesta equação, o que parecia óbvio fica deveras complexo. Estou me referindo ao Data Analytics, ou seja, a ciência que analisa dados brutos para tirar conclusões sobre essas informações. Essa análise computacional sistemática é usada para a descoberta, interpretação e comunicação de padrões significativos de modo a nortear a tomada de decisão.

Dentro desse contexto, estamos acostumados a usar o Google Analytics para medir e monitorar o desempenho de um site, mas pouco ouvimos ainda sobre a inclusão de estratégias de Image Analytics nas empresas. Antes de explicar melhor essa ferramenta, contudo, é importante compreender melhor outro conceito.


Por que uma imagem vale mais que mil palavras, afinal? Porque as imagens têm o papel fundamental de transmitir a mensagem de forma objetiva, chamar a atenção de quem a visualiza e levar ao engajamento com o conteúdo. As imagens mostram fatores contextuais, ambientais e emocionais que não conseguimos obter apenas com texto.


Quem trata dessa relação é o Marketing Visual. Essa disciplina estuda a relação entre um objeto, o contexto em que é colocado e sua imagem relevante. Representa um vínculo disciplinar entre economia, leis de percepção visual e psicologia cognitiva.


Trocando em miúdos, quando você quer chamar a atenção, engajar, vender e fidelizar é essencial adotar uma boa experiência visual. Já que uma foto vale mais que mil palavras, imagine uma foto ruim (fora de contexto)!


Como disse antes, a estratégia de Image Analytics no planejamento ainda é pouco usada, mas já apresenta ótimos cases no mercado. Vamos entendê-la melhor:


Image Analytics é a capacidade dos computadores de reconhecer atributos dentro de uma imagem. Você utiliza Google Fotos ou o aplicativo Fotos da Apple no smartphone? Os dois usam recursos básicos de análise de imagem para reconhecer rostos e categorizá-los em suas fotos. Basta digitar ‘gato’ na função de busca em qualquer aplicativo para localizar rapidamente sua coleção de fotos dos bichanos.



Sua empresa também pode se beneficiar dessa ferramenta. No passado, a única maneira de encontrar menções de sua marca ou produto em postagens sociais era procurar menções baseadas em texto ou tags diretas. Hoje, a análise de imagem estende a pesquisa ao conteúdo visual, permitindo que identifique qualquer coisa, desde um logotipo até uma imagem que contenha um tipo específico de objeto (por exemplo, um gato). A tecnologia também pode identificar rostos para determinar sentimento, sexo, idade e muito mais, além de legendar automaticamente as imagens.


Pesquisas mostram que mais de três bilhões de fotos são compartilhadas diariamente nas mídias sociais (Mary Meeker), e muitas delas contêm produtos e logotipos de marcas, mas 85% delas não incluem uma referência de texto para a marca. Sem a análise de imagens, as marcas estão perdendo uma grande parte das conversas sociais sobre sua marca, produtos, clientes e concorrentes. Ou seja, não podemos mais confiar apenas no texto ao analisar dados de mídia social para entender melhor o público e o mercado.


Sendo assim, prepare-se para ver, falar e usar cada vez mais câmeras inteligentes, processadores de imagem com reconhecimento óptico, Robótica, drones, Realidade Aumentada (AR) e Realidade Virtual (VR). Estamos na era da WEB 3.0 e do Metaverso. Não podemos mais fugir dessa transformação digital. Como disse o físico britânico Stephen Hawking: “Todos os aspectos das nossas vidas serão transformados [pela IA]”, e isso pode ser “o maior evento na história da nossa civilização”.



Texto da Coluna Hiato, de Danielle Fuchs, publicado originalmente no Portal iMulher: https://portalimulher.com.br/image-analytics-e-o-poder-do-marketing-visual/


#estratégia #imageanalytics #Inovação #inteligênciaartificial #marketingvisual #metaverso #mídiasocial #web30 #tecnologia

Post em destaque
Posts recentes